Script data e hora digitais

CSA pode perder cinco atletas para jogo da volta contra o Fortaleza

b_450_400_16777215_00_images_2017_3-bimestre17_FLAVIO_ARAUJO.jpg

omo se não bastasse ter a defesa quase que totalmente modificada para o jogo deste sábado, o CSA ainda corre o risco de seguir desfalcado nesta decisão do título do Campeonato Brasileiro da Série C. É que o Azulão chegará em Fortaleza com cinco jogadores pendurados com dois cartões amarelos: Mota, Jorge Fellipe, Dawhan, Marcos Antônio e Daniel Costa.

Na primeira partida das finais, o CSA corre o risco de ter quatro desfalques, todos na defesa. Três são certos, por motivo disciplinar: Celsinho, Rodrigo Lobão e Raul Diogo. No jogo passado, os dois primeiros tomaram o terceiro cartão amarelo, enquanto o último foi expulso.

E há ainda a pendência do zagueiro Jorge Fellipe. No segundo jogo das semifinais, contra o São Bento, no Estádio Rei Pelé, o atleta sofreu uma entorse no joelho direito. Jorge se machucou sozinho ao se desequilibrar quando foi tentar o cabeceio em cobrança de escanteio. Só atuou pouco mais de 15 minutos e, desde sábado passado, está em tratamento intensivo.

O elenco azulino realiza seu último treino na manhã desta quinta-feira. A partir daí, entra em regime de concentração porque, às 18h55, viaja para o Recife, chegando em Fortaleza no início da madrugada de sexta-feira (0h15). O início da decisão do título, contra o Fortaleza, é neste sábado, às 19h, na Arena Castelão.

Após esta partida, a delegação azulina deve deixar Fortaleza no domingo, às 5h05, seguindo de volta para o Recife. A chegada está prevista para as 6h15, com o retorno à capital alagoana ocorrendo em viagem de ônibus.

 

 

 

Por Francisco Cardoso | Portal Gazetaweb.com


Ivaldo José Fragoso Ribeiro
Diretor Administrativo e Comercial
ivaldofragosomalandrinho@gmail.com

Antônio Guimarães
Jornalista Responsável

CNPJ: 03.135.085/0001-03
CCM - 900763591
(82) 99617.4108 / 99304.3673