Script data e hora digitais

Ainda com dúvidas, Tite convoca hoje seleção para amistosos

A última chamada para a Copa do Mundo se aproxima. Nesta segunda-feira (12), o técnico Tite anuncia, durante cerimônia, às 11h, na sede da CBF, no Rio de janeiro, os convocados para os amistosos contra Rússia, no dia 23 deste mês, em Moscou, e Alemanha, quatro dias depois, na revanche pós 7×1, em Berlim, capital alemã.

Será a última convocação do treinador antes da divulgação da pré-lista com 35 atletas que podem defender o Brasil no Mundial, que deve ser feita até o dia 14 de maio, um mês antes do início do torneio na Rússia. A Seleção está no Grupo E do Mundial, ao lado de Costa Rica, Suíça e Sérvia. A estreia está marcada para acontecer no dia 17 de junho, diante dos suíços. No dia 22, a equipe verde e amarela encara a Costa Rica. Por fim, dia 27, o Brasil encerra a participação na primeira fase diante dos sérvios.

 

Por isso, os escolhidos por Tite hoje vão ter a chance final de mostrar que estão prontos para o desafio de buscar o hexa. Dos 60 jogadores chamados por Tite desde que assumiu o comando da Seleção, em 2016, 16 nomes já estão garantidos pelo treinador na Copa do Mundo. Restam então sete vagas, disputadas de forma intensa.

Entre as principais dúvidas do treinador estão o quarto zagueiro, o substituto de Renato Augusto no meio-campo e mais um atacante de beirada. Na última semana, Tite e a sua comissão técnica fizeram um tour pela Europa. Nomes como Danilo, do Manchester City, Alex Sandro e Douglas Costa, ambos da Juventus, foram observados. O trio disputa uma vaga entre os selecionados para a Copa.

A expectativa é de que a convocação anunciada hoje também tenha surpresas. Entre os mais especulados estão Anderson Talisca, do Besiktas, Malcom, do Bordeaux, e William José, da Real Sociedad. A ideia de Tite é ter peças com características diferentes das que ele já tem no atual grupo da Seleção.

Jogadores que atuam no Brasil como os meias Jádson, do Corinthians, Diego, do Flamengo, Lucas Lima, do Palmeiras, e a dupla gremista Arthur e Luan também estão no radar do comandante.

Sem o capitão
Quem está fora da lista para os amistosos é o atacante Neymar, do PSG. Ele passou por uma cirurgia no quinto metatarso do pé direito e só voltará aos gramados em maio. Por isso Tite acabou adiando a convocação, inicialmente marcada para o dia 27 de fevereiro.

Mais um motivo para Tite testar opções para uma eventual ausência da sua principal estrela durante a Copa.

Além de Neymar, Tite corria o risco de não poder contar com o volante Fernandinho, o lateral Marcelo, o zagueiro Miranda e o atacante Gabriel Jesus, todos por problemas médicos.

“Como sempre, buscamos o máximo de informações possíveis para uma convocação sem grandes problemas”, explicou o coordenador técnico da Seleção, Edu Gaspar.

 
 
Fonte: Correio24horas


Ivaldo José Fragoso Ribeiro
Diretor Administrativo e Comercial
ivaldofragosomalandrinho@gmail.com

Antônio Guimarães
Jornalista Responsável

CNPJ: 03.135.085/0001-03
CCM - 900763591
(82) 99617.4108 / 99304.3673