Script data e hora digitais

América Latina: Brasil é o maior produtor de lixo eletrônico

O Brasil é o maior produtor de lixo eletrônico da América Latina, e o 7° no mundo. O país, atualmente, produz 1,5 mil toneladas de lixo eletrônico, e somente 3% desse total acaba tendo um descarte adequado. As informações são provenientes do estudo Global E-Waste Monitor, realizado pela Organização das nações Unidas (ONU).

As informações são preocupantes, já que muito desse lixo acaba sendo tóxico ao ambiente em virtude da composição química empregada neles. Os cartuchos e toners de impressoras, por exemplo, representam um grande perigo. Os toners de tinta possuem um pó que, ao entrar em contato com o fogo, libera gás metano, que além de potencializar o efeito estufa, também causa problemas respiratórios nos humanos.

Felizmente, muitas empresas já estão adotando um modelo de negócio mais sustentável. A HP e a Lexmark estão entre elas, já que desenvolvem projetos em que 20% da matéria prima provém da reutilização de toners e cartuchos usados.

Os consumidores, por sua vez, devem ficar atentos já na hora da compra, sendo que o ideal é adquirir produtos que possuam algum tipo de certificação de sustentabilidade, como o selo Energy Star. Além disso, deve-se fazer o descarte correto desses produtos.

 

TNH1.CCOM


Ivaldo José Fragoso Ribeiro
Diretor Administrativo e Comercial
ivaldofragosomalandrinho@gmail.com

Antônio Guimarães
Jornalista Responsável

CNPJ: 03.135.085/0001-03
CCM - 900763591
(82) 99617.4108 / 99304.3673