Script data e hora digitais

Mulher tenta comprar silêncio sobre morte após cirurgia estética

Uma microempresária morreu no último sábado (13), dias após ter passado por um procedimento cirúrgico estético nos glúteos. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, Fernanda de Assis chegou ao Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, zona oeste do Rio, com lesões nas nádegas.

Em um vídeo no Facebook, o companheiro de Fernanda disse que a mulher morreu de insuficiência respiratória aguda e embolia pulmonar.

“Ela já tinha feito esse procedimento uma vez. Na segunda ela esperou eu sair de casa e fez escondido porque eu disse que não queria. Na sexta-feira, ela já acordou passando mal e pediu para levar ela ao hospital. Só de o médico olhar para ela no hospital, já mandou internar”, explicou Alex Fernando, ao lado de amigos, familiares e um pastor.

O marido também contou que uma grande ferida se abriu nos glúteos de Fernanda em casa, mas a microempresária se recusava a ir ao pronto-socorro. “Vocês mulheres que têm certa vaidade: [saibam que] tem um preço a ser pago. A Fernanda pagou com a vida. Tomem cuidado com o que vocês vão fazer”, disse.

Na mesma gravação, Alex Fernando revela aos amigos que a pessoa que fez a cirurgia em Fernanda está oferecendo R$ 1 milhão para que ele não a entregue à polícia. “Ela está me oferecendo tudo para eu não falar”.

 

Com informações da Agência Brasil.


Ivaldo José Fragoso Ribeiro
Diretor Administrativo e Comercial
ivaldofragosomalandrinho@gmail.com

Antônio Guimarães
Jornalista Responsável

CNPJ: 03.135.085/0001-03
CCM - 900763591
(82) 99617.4108 / 99304.3673