Script data e hora digitais

Interpretado Juvenal em O Outro Lado do Paraíso, Anderson Di Rizzi revela que gosta das brincadeiras sexuais

Interpretado Juvenal em O Outro Lado do Paraíso, Anderson Di Rizzi revela que gosta das brincadeiras sexuais

 


Foto: Reprodução

 

A novela O Outro Lado do Paraíso, escrita por Walcyr Carrasco, se aproxima de sua reta final. Os desfechos de muitos dos personagens já são de conhecimento dos telespectadores. O de Juvenal (Anderson Di Rizzi) parece ser realmente ficar ao lado de Desirée (Priscila Assun).

A relação dos dois ficou ainda mais quente depois que a garota aprendeu um truque chamado “chave de cofre” com Caetana (Laura Cardoso) e deverá colocá-lo em prática com o lapidador. Durante entrevista, Anderson Di Rizzi contou que seu personagem amará a brincadeira sexual.

“Tem que usar da criatividade. Acho que a Desirée na simplicidade da vida se envolveu na situação, mas é uma brincadeira. Ele já gostou do que rolou”, disse ele. Casado na vida real com a professora Taise Galante, o ator revelou que tais fantasias e brinquedos são importantes na relação.

“Também sou casado. Acho que muito o que sustenta a relação do casal é o ato sexual. Para não cair no dia a dia, vamos brincar”, falou ele. No entanto, com o nascimento da filhinha do casal, a pequena Helena de apenas nove meses, o ator contou que o sexo acabou sendo deixado de lado.

“Tem que ter muita paciência com a mulher, não é fácil, é muita conversa. Amamentar também não é fácil, vi o peito da minha mulher sangrando, ela com muita dor. Nos primeiros meses ela não dormia, acordava de hora em hora. É uma família, nessas horas tem o amor, amizade, companheirismo”, disse.

ANDERSON DI RIZZI ELEGE SEU PROGRAMA HUMORÍSTICO FAVORITO

Aproveitando o intervalo de gravações da novela O Outro Lado do Paraíso, Grazi Massafera, a Lívia, e Anderson Di Rizzi, o Juvenal, conversaram com o programa Vídeo Show e elegeram o programa humorístico que eles jamais vão esquecer, chamado de inesquecível.

“O que marcou a minha infância de humor na TV foram Os Trapalhões. Lembro que eu sentava com a família em frente à TV aos domingos e morria de rir com o programa”, revelou o ator.

“O que me marcou muito, criança, foi o quadro da Terezinha cantado na voz de Maria Bethânia, mas uma paródia que eles fizeram em cima dessa música que marcou até hoje e eu acho que a muita gente também”, disse Grazi.

 


TV FOCO


Ivaldo José Fragoso Ribeiro
Diretor Administrativo e Comercial
ivaldofragosomalandrinho@gmail.com

Antônio Guimarães
Jornalista Responsável

CNPJ: 03.135.085/0001-03
CCM - 900763591
(82) 99617.4108 / 99304.3673